Em vez de um chef, uma nonna.

Joe Scaravella, proprietário do restaurante Enoteca Maria, que fica em Staten Island, teve uma ideia genial: metade do menu da casa são pratos italianos. A outra metade muda de nacionalidade todo dia. Até aqui, nada de mais. O golpe de gênio é que Sr. Scaravella não contrata chefs, mas sim avós dos vários cantos do mundo: além da Itália, Rússia, Filipinas, Japão, Argentina, Grécia, Paquistão, França… uma verdadeira ONU da culinária. E para fazer o menu bater com sua preferência, o restaurante coloca à disposição o Calendário da Nonna: é só consultar e escolher o dia da visita. Ah, sim, e conseguir lugar… O local não é exatamente perto, mas nem por isso é menos disputado.

Como toda boa ideia sempre tem desdobramento, o restaurante já criou um livro online onde todo interessado pode incluir sua nonna e a receita pela qual ela é famosa. E, no site do restaurante, você pode se deliciar com a variedade dos pratos, a extensão da lista de vinhos (afinal, trata-se de uma enoteca…) e segredos/dicas de quem passou a vida fazendo a velha e boa comida caseira.
Na Enoteca Maria, chef não tem vez. Todo poder às avós!

 

 

[ Foto: Dreamstime® ]

Compartilhar com:
Nenhum Comentário

Deixe um Comentário