Sessenta pianos nas ruas de NY. Você senta e começa a tocar.

De amanhã até 5 de julho, uma entidade artística dedicada ao serviço público (Sing for Hope) vai colocar solenes pianos em dezenas de pontos estratégicos de Nova York: Central Park, Columbus Circle, Brooklyn Bridge e por aí afora. Os instrumentos, doados por um grupo de profissionais da área, estarão à disposição dos anônimos pianistas da cidade – e obviamente também dos turistas que cruzarem a Grande Maçã nesse período.

A art installation tem, como nome, a frase-convite  “Play me, I’m yours” e, como objetivo, humanizar um pouco mais a cidade nesses tórridos dias de verão.

Por falar nisso: aplaudo a iniciativa, mas também  não ficaria chateada se, em vez do pianos, a cidade instalasse 60 aparelhos de ar condicionado…

Compartilhar com:
Comentários
  • Pelo calor que faz em NY, sessenta aparelhos é pouco. A idéia é muito boa, dos pianos, claro.

    23 de junho, 2010
  • Marcie,
    Tomara alguém tocar Singin’ in the Rain. Talvez amenize o calorão.
    😛

    23 de junho, 2010
  • Viu porque fiquei com a tal vontade latente? 🙁 Bem na semana que vem!!

    23 de junho, 2010
  • Há alguns meses colocaram um na Estação Barra Funda da CPTM. E, felizmente, até agora deixaram-no lá. Faço a baldeação da CPTM para o metrô ali quase todos os dias, e não há um dia sem que, às 7h30 da manhã, alguém esteja tocando ali. Fico até surpreso de saber que tanta gente assim toca — e bem — piano. Especialmente entre usuários da CPTM, que na imensa maioria dos casos não têm acesso ao instrumento.

    24 de junho, 2010
  • Ah que legal. Eu tinha visto a notícia do piano em São Paulo e também fiquei surpresa de ver o povo tocando!
    Queria que fizessem isso por aqui, morro de saudades do meu piano. Não coube na mala. 🙁

    24 de junho, 2010

Deixe um Comentário